Não tranque a porta e Vestido vermelho de Sangue, de Amanda Ágatha Costa

Oi, oi meus amores! Tudo bem com vocês? Em Janeiro, junto com o livro A Escolhida, também recebi em parceria com a autora Amanda Ágatha Costa dois contos produzidos por ela: o Não tranque a porta e o Vestido vermelho de sangue. Esse post de resenha está só um pouquinho assim atrasado, mas antes tarde do que nunca, não é verdade?

Não tranque a porta e Vestido vermelho de Sangue, de Amanda Ágatha CostaNão tranque a porta conta a história de Lorena, um princesa que passa bem longe dos velhos costumes. Esse breve conto, fala sobre a relação entre a princesa e seu amado. Lorena quebra todos os paradigmas de uma princesa. Ela não é uma menina certinha e que está a espera do seu príncipe encantado. Ou fazendo de tudo para conquistar um pretendente de alto nível, como um conde, ou um duque. Em um português claro “ela passa o rodo em geral” haha.

Ok, ok. Talvez não em geral, mas principalmente em Max, o melhor amigo do seu irmão, cuja família tem uma enorme influência para o reino. Os dois foram praticamente criados juntos, então, quando entraram na adolescência, acabaram descobrindo diversos prazerem um no outro.

Um romance erótico bem curtinho e super bem escrito. Repleto de detalhes e bem envolvente, ele é uma ótima leitura para intercalar entre outros livros. Em questão de 20/30 minutos você consegue ler e ainda fica com vontade de mais! Eu realmente fiquei curiosa pra conhecer mais da Lorena e do Max. Saber como é a relação deles fora do quarto e como terminaria esse relacionamento.

No geral, um conto encantador e perfeito pra quem gosta de um romance com uma boa dose de partes eróticas. O conto está disponível no Wattpad e você pode le-lo por aqui.

O amor, para eles, se resumia aquilo. Nada além de um revezamento de interesses.Não tranque a porta e Vestido vermelho de Sangue, de Amanda Ágatha Costa

Em Vestido vermelho de sangue conhecemos Elisa. Uma princesa que, desde pequena, ouvia seu tio falando sobre demônios e como ela deve se tornar uma caçadora. Mesmo contra a vontade de seus pais, o Rei e a Rainha. Segundo sua mãe, isso era apenas uma invenção da cabela louca do tio. Mas é em uma festa de gala, onde ela deveria conhecer seu pretendente, que Elisa vai descobrir todas as verdades e segredos por trás de sua família. E o quanto ela mesma será importante para uma possível futura guerra.

Um conto super cativante e, como o Não tranque a porta, muito bem escrito e detalhado. Os personagens são super envolventes e eu gostei demais da premissa do conto. Ainda mais do que o anterior, eu fiquei com muita vontade de saber mais sobre a história e de como ela termina. O Vestido vermelho de sangue é um dos contos presentes no livro Demontale – As matadoras do Submundo que foi publicado pela Editora Arwen. Confira o livro aqui.


Um dos principais pontos que gostei em ambos os contos foram as personagens femininas. Ambas são princesas. Filhas diretas do Rei e da Rainha. Mas ambas são tudo, menos o que é sempre considerado “o ideal”. Lorena, de Não tranque a porta, faz o que quer. Do jeito que quer. Sem se importar com comentários ou insinuações. Ela é dona do seu nariz e ela pode ter tudo o que quiser e um pouco mais.

Elisa é uma guerreira. Nunca se importou com os protesto dos pais para que ela se portasse como uma princesa. Ela aprendeu a lutar e é capaz de liquidar com qualquer ameaça que interromper pelo seu caminho. Ambas são mulheres de fibra. Nada de princesas bobinhas.

Os contos são bem leves e tem uma leitura bem fluída. E, apesar de serem contos de época, eles passam bem longe das histórias tradicionais. Adorei ambos os contos e recomendo demais 😉

Pra conhecer mais sobre a autores e suas obras é só acessar esse link aqui.

Maria Simone

24 anos, leonina, carioca, formada em Administração de empresas e leitora assídua até de rótulo de shampoo.

Março 15, 2017

RELATED POSTS

8 Comments

  1. Responder

    Dai Castro

    Março 17, 2017

    Não conhecia esses dois contos e particularmente acho que iria gostar mais do segundo, já que não curto muito contos eróticos. Vestido vermelho de sangue parece ser uma história que mistura bastante do sobrenatural e fantasia, o tipo de premissa que eu mais gosto!
    E como você falou, é uma ótima opção para ler entre um livro e outro!
    Adorei conhecer!
    Beijo!
    Colorindo Nuvens

    • Responder

      Maria Simone

      Março 25, 2017

      Realmente, Dai! Eu adoreei Vestido vermelho de sangue e acho que você vai gostar também ^^
      Beijos!

  2. Responder

    Marcela

    Março 19, 2017

    Ja tinha ouvido falar do primeiro, mas o segundo ainda nao. Gostei

    • Responder

      Maria Simone

      Março 25, 2017

      O segundo, que está disponível no Wattpad, acho que é o mais conhecido mesmo. Mas o segundo é tão bom quanto ele. Amei demais.

  3. Responder

    Suka

    Março 22, 2017

    Eu li os dois contos e achei fantásticos!

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com

    • Responder

      Maria Simone

      Março 25, 2017

      São muito bons, né! *–*

  4. Responder

    Amanda Ághata Costa

    Maio 2, 2017

    Maria, sua linda! Que delícia ler as resenhas dos dois contos! Fico muito feliz por saber que gostou de ambos e a mensagem que eles trazem sobre o emponderamento feminino e de que as mulheres podem ser quem elas quiserem. Tenho planos de transformar os dois contos em um romance no futuro. Beijos!

    • Responder

      Maria Simone

      Maio 10, 2017

      Que notícia maravilhosa, Amanda!!! *———–*
      Já quero ler pra ontem!

LEAVE A COMMENT