4 In Resenhas

{Resenha} Coração Satânico, de William Hjortsberg

Recebi o livro Coração Satânico em parceria com a DarkSide Books e, como sempre, ele veio naquele kit maravilindo, com um bonequinho voodoo e uma cordinha pra gente poder brincar um pouco com nosso bonequinho. Assim que pude, já comecei a leitura.


Título original:
 Falling Angel
Autor(a): William Hjortsberg
Editora: DarkSide Books
ISBN.: 9788594540072
Ano: 2017
Número de páginas: 320

 Sinopse:

Coração Satânico se passa em Nova York, em 1959. Harry Angel é um detetive particular contratado para encontrar Johnny Favorite, um músico famoso que desaparecera após a Segunda Guerra Mundial. Psicologicamente transtornado com os campos de batalha, Johnny retornaria aos Estados Unidos em estado catatônico. Dias depois, ele some do hospital de veteranos, sem deixar rastros. O caso leva Harry Angel a se envolver com seguidores do vodu, assassinos e um cliente que não ousa perdoar velhas dívidas.

Amazon ♥ Submarino ♥ Saraiva AmericanasLivraria Cultura ♥

 

O livro vai contar a história de Harry Angel, um detetive particular que é contratado por um estranho executivo para investigar o paradeiro de um cantor famoso que desapareceu depois da Segunda Guerra Mundial chamado Johnny Favorite.  Depois de ser convocado para servir na guerra, Johnny acabou voltando aos Estados Unidos com seu psicológico completamente abalado. Em um estado quase catatônico, ele acaba sendo internado em um hospital psiquiátrico para veteranos de guerra e é de lá que o cantor desaparece sem deixar rastros. Através das ruas da Nova York de 1959, Harry começa sua investigação e acaba tomando conhecimentos de artes misteriosas e obscuras. Voodoo, magia negra, pactos demoníacos e assassinatos são apenas a ponta do iceberg de todo esse mistério.

 Coração Satânico, de William Hjortsberg

Coração Satânico foi lançado originalmente em 1978 e fez tanto sucesso que acabou ganhando uma versão cinematográfica em 1987. Décadas mais tarde o livro ganhou essa edição maravilhosa lançada pela DarkSide, com capa dura e aquela produção que a gente já conhece.

Eu estou me vendo cada vez mais apaixonada por livros de terror e, quem já me acompanha por aqui a algum tempo, já deve ter percebido que sou apaixonada por livros de mistérios e policiais. Quando vi essa combina em Coração Satânico… Foi interesse a primeira vista.

Com personagens bem construídos e uma trama bem elaborada, o leitor vai sendo guiado por uma intrincada rede de mentiras, sacrifícios e magia negra. O suspense é bem trabalho e a gente vai descobrindo junto com o Harry o que realmente aconteceu com Johnny Favorite e com todas as pessoas que eram diretamente ligadas a ele, tornando toda a situação cada vez mais sinistra.

 Coração Satânico, de William Hjortsberg

O livro é narrado em primeira pessoa, ou seja, vamos tomando conhecimentos de todos os fatos através dos olhos de Angel. E apesar do livro tratar de forma bem aberta as religiões pagãs e seus rituais ele não é um livro tão assustador quanto achei que seria. Não é um livro do qual você vai sentir medo durante a leitura ou que vai tirar o seu sono a noite. Mas que irá te deixar impressionado e chocado em várias cenas.

Harry Angel é um personagem bem marcante e do tipo de detetive não mede esforços pra descobrir o que precisa. Não importa se ele tenha que ameaçar, espancar ou subir até 14º andar de um prédio e ficar pendurado nas alturas.

E, sendo bem sincera aqui com vocês, eu tive um pequeno problema durante a leitura: o suspense acabou no terceiro capítulo. Foi mais ou menos por aí que eu desconfiei de como terminaria o livro e do real paradeiro do famoso cantor. Então, a cada capítulo lido eu fui me sentindo encaminhada para esse desfecho e isso fez com que o livro não tivesse o mesmo gostinho de suspense que nos dá aquele frio na barriga e nos faz querer continuar a leitura até na hora do banho.

 Coração Satânico, de William Hjortsberg

 

Talvez esse tenha sido o meu problema. Vi muitos comentários positivos sobre a trama, que no geral como eu falei, foi bem trabalhada. Aqui a gente conhece uma Nova York pós-guerra profundamente preconceituosa. Conhecemos um pouco mais sobre religiões não-cristãs. No geral, o livro tem todos os elementos para ser um livro espetacular. Mas ele acabou não funcionando comigo e se tornou uma grande decepção.

Pra quem se interessou pela história, confira um pouco mais no trailer do filme:

 

Curiosidade: Coração Satânico é resultado de um conto escrito por Hjortsberg ainda na adolescência. A história se manteve guardada em sua cabeça, cutucando-o até que ele começou a desenvolver o livro.

Si, depois de tudo o que você falou, você recomenda o livro? Sim! Recomendo demais pra quem é fã de suspense e livros policiais. Uma coisa que eu sempre gosto de lembrar é: só porque um livro não funcionou pra mim, não quer dizer que não vá funcionar pra você. Então ficou curioso? Leia! Quem sabe ele não acaba se tornando um dos seus livros favoritos da vida? 😉

E você? Já leu o livro? Me conta ali nos comentários o que você achou.

Mais conteúdo pra você:

4 Comments

  • Reply
    Nina Novaes
    agosto 10, 2017 at 3:48 PM

    Isso é um grande problema, Maria, quando a gente acaba elevando muito as expectativas pelo que as outras pessoas estão falando. Achei a trama interessante e nem preciso dizer que os livros da darkside tem um trabalho incrível. Ótima resenha 🙂

    beijos

    • Reply
      Maria Simone
      agosto 25, 2017 at 10:16 PM

      Obrigada, gata! E nem fala… Pior coisa é quando você coloca muitas expectativas em algo. No geral a trama é realmente muito interessante, quem gosta de terror vai adorar!

  • Reply
    Érika
    agosto 15, 2017 at 10:19 AM

    Pra mim, o problema é que eu assisti o filme feito nos anos 80, e sei o que acontece no final, que pra mim foi chocante.Então acho que pra mim, que já sei o que acontece a experiência da leitura, não vai ser a mesma.E só um comentário sobre o filme:Gente, como Mickey Rourke era bonito!

    • Reply
      Maria Simone
      agosto 25, 2017 at 10:21 PM

      Aaahhh realmente é um problema. Toda a parte impactante da leitura não terá mais efeito em ti 🙁
      Eu ainda não assisti ao filme, mas tá aqui nos favoritos esperando só um tempinho pra ser assistido. Não sei se tem taaaanta coisa diferente assim em relação ao livro.
      E siiim!! Mickey Rourke era muuuito bonito *–*

    Leave a Reply