Todo mundo tem algum complexo com o próprio corpo. Alguns não gostam do nariz, outros não gostam da posição das orelhas, outros não gostam dos joelhos, alguns se acham muito magros, outros se acham muito gordinhos… Este último é o complexo da Molly, nossa protagonista do livro Os 27 Crushs de Molly, escrito pela Becky Albertalli.

 

Título original: The upside of unrequited
Autor(a):  Becky Albertalli
Editora: Intrínseca
ISBN.: 9788551002360
Ano: 2017
Número de páginas: 320

 Sinopse:

Molly já viveu muitas paixões, mas só dentro de sua cabeça. E foi assim que, aos dezessete anos, a menina acumulou vinte e seis crushes. Embora sua irmã gêmea, Cassie, viva dizendo que ela precisa ser mais corajosa, Molly não consegue suportar a possibilidade de levar um fora. Então age com muito cuidado. Como ela diz, garotas gordas sempre têm que ser cautelosas.

Tudo muda quando Cassie começa a namorar Mina, e Molly pela primeira vez tem que lidar com uma solidão implacável e sentimentos muito conflitantes. Por sorte, um dos melhores amigos de Mina é um garoto hipster, fofo e lindo, o vigésimo sétimo crush perfeito e talvez até um futuro namorado. Se Molly finalmente se arriscar e se envolver com ele, pode dar seu primeiro beijo e ainda se reaproximar da irmã.

Só tem um problema, que atende pelo nome de Reid Wertheim, o garoto com quem Molly trabalha. Ele é meio esquisito. Ele gosta de Tolkien. Ele vai a feiras medievais. Ele usa tênis brancos ridículos. Molly jamais, em hipótese alguma, se apaixonaria por ele. Certo?

Amazon 

4 estrelinhas

Molly é uma adolescente que se acha muito gordinha e que por isso não vai chamar a atenção dos rapazes de uma forma positiva. Para ela, alguém assim nunca iria arranjar um namorado, já que seria quase impossível para eles sentir qualquer coisa por uma menina como ela. Tanto que Molly já teve 26 crushes e nunca chegou em nenhum. Afinal, o risco de ser rejeitada nessa situação é nula.

Mas as coisas acabam mudando quando Cassie, sua irmã gêmea começa a namorar Mina. Agora, Molly terá que aprender a lidar com o sentimento de solidão e de abandono. Isso até conhecer o melhor amigo de Mina, um hipster lindo e super fofo que acaba se tornando o seu 27º crush da vida. É então que Cassie e Mina começam uma operação cupido para fazer com que Molly “transforme” o rapaz em muito mais do que mais um crush para sua contagem.

Mas o que ninguém esperava era que Molly acabasse conhecendo Reid Wertheim, um rapaz que vive com os tênis mais brancos do que é naturalmente possível, com camisas de série e filmes nerds (como Senhor dos Anéis e GoT) e que é filho dos donos da loja onde Molly começa a trabalhar. Será que ele vai mesmo entrar pra lista de crushes da Molly?

Os 27 crushes de Molly

 

Que eu sou uma apaixonada pelos livros da Becky Albertally isso vocês já sabem, né? Vocês já devem até estar enjoados do tanto que eu já indiquei Simon vs a agenda Homo Sapiens em todas as redes sociais possíveis. Por isso, quando a autora anunciou o lançamento de mais um livro eu já fiquei super ansiosa para poder ler e torcendo imensamente para que a Editora Intrínseca comprasse os direitos autorais e trouxesse essa lindeza aqui para o Brasil.

Mais uma vez, Albertalli nos dá um livro com uma leitura leve, saborosa e relaxante. Daquelas que a gente lê em um dia, dois no máximo. A autora realmente tem o dom de trazer assuntos mega atuais, alguns tabus mesmo e falar sobre eles de uma forma descontraída e que nos deixa ávidos para descobrir o que ira acontecer a seguir.

Os 27 crushes de Molly

O que mais gostei nesse livro foram os assuntos tratados durante toda a narrativa. Além do complexo por ser gordinha, o quadro de ansiedade/depressão que a personagem principal passou e se recuperou, aqui temos personagens pansexuais, como a Mina e homossexual como a Cassie e suas mães.

Sim! Cassie e Molly são filhas de duas mães! Além disso, as duas são gêmeas, mas cada uma foi gerada na barriga de uma mãe. Confuso, eu sei. Mas achei a ideia incrível. A autora explora aí diversas formas de relacionamentos: amoroso, familiar, fraternal… Ele mostra o amor, o carinho e o cuidado das mães entre si e com suas filhas.

O livro vai falar sobre auto conhecimento, sobre auto aceitação e também sobre independência e é incrível acompanhar o desenvolvimento da Molly por esse caminho.

Os 27 crushes de Molly

 

Uma das coisas que gostei nesse livro é que os personagens tomam atitudes que, várias vezes, me deixavam muito nervosa. Diversas vezes me peguei pensando: “Por que mulheeer? Por que tu me faz uma coisa dessa?”. Mas no fim, esse é o encanto do livro. Albertalli nos dá personagens incrivelmente reais. Com erros e acertos.

Há! E um fato que aqueceu meu coraçãozinho e que, provavelmente também vai aquecer o coração de quem já leu Simon vs a agenda Homo Sapiens, é que o Simon, a Abby e o Nick são citados várias vezes durante a narrativa. Pra quem não sabe, Molly e Abby são primas e eram muito grudadas.

E o que dizer dessa edição lindinha da Editora Intrínseca né? Mais uma vez eles arrebentaram. E essa edição está combinando lindamente com o primeiro livro da autora! Fica lindo na estante hahaha

Recomendo o livro pra todos que gostam de um romance amorzinho ♥

Beijos e até a próxima 😉

Maria Simone

24 anos, leonina, carioca, futura design gráfica e leitora assídua até de rótulo de shampoo. Apaixonada por fotografia e pela natureza.

janeiro 8, 2018

RELATED POSTS

DEIXE SEU COMENTÁRIO