Fala galera! Beleza? Meu nome é Rafael, conhecido em outras galáxias como Huntter Universo. Esse é meu primeiro post aqui no Crescendo em Flor e, daqui em diante, pretendo trazer posts sobre games, séries e filmes, animes e assuntos Geeks em geral 😉

Todos sabemos que historias de terror não são para todo mundo, no entanto acredito que todo mundo deveria ler pelo menos uma vez na vida um livro do gênero. É errado pensar que você precisa ser uma pessoa super corajosa e a mais valente para encarar a maior e mais terrível e assustadora das historias. Eu mesmo não sou, mas pela curiosidade sempre me pego lendo algo do gênero.

Se você, como eu, é um fã de historias de terror e que, após ler livros como o H.P. Lovecraft (Livro publicado pela nossa amada Editora DarkSide Books), ficou a imaginar como seria estar  dentro de historias parecidas com os contos do livro, jovens hoje lhes trago um top 5 Jogos de terror/sobrevivência incríveis que eu joguei no ano de 2017 e recomendo muito.

5: p.a.m.e.l.a

P.A.M.E.L.A Na minha opinião é um jogo um pouco diferente. Apesar de explorar o tão famoso gênero de apocalipse zumbi, o tema futurista da um diferencial completamente ao jogo. Nós acordamos na cidade utópica de EDEN, uma ilha colonia futurista onde os habitantes foram infectados  e você deve sobreviver e descobrir mais sobre a ilha e seus criadores com os desejos equivocados da perfeição humana, além de diversos segredos e mistérios em suas salas futurísticas repletas de criaturas de todos os tipos. A exploração do jogo é uma coisa única e sem igual, você conta com varias tecnologias disponíveis para encontrar e explorar. O jogo tem muitas características realistas, como o fato de você ter poucas armas disponíveis e ter que escolher com sabedoria onde e quando gastar sua munição, até o fato de você ter que controlar a energia de determinados lugares da cidade e economiza-la ao máximo, pois se ela acaba você vai estar com sérios problemas já que é praticamente IMPOSSÍVEL de se andar a noite de tão escuro. Ou você se arrisca, estando fadado a morrer, ou vai ser obrigado a se esconder até amanhecer.

Plataformas disponíveis: PC.


4: Home Sweet Home

Em Home Sweet Home entramos na pele de Tim. A vida de Tim mudou drasticamente desde que sua esposa desapareceu misteriosamente no meio da noite. Depois de sofrer por um logo período, Tim misteriosamente acorda em um lugar completamente desconhecido. Este lugar é realmente a sua casa? Isso se relaciona com o desaparecimento de sua esposa? Um segredo obscuro e sinistro está escondido dentro desta casa, e não será um lugar de felicidade como costumava ser no passado.
No game vemos uma forte influência da famosa franquia de terror, Silent Hill (P.T), mas nesse jogo a câmera é em primeira pessoa, trazendo uma maior  imersão e tensão ao jogador, o game também pode ser jogado com óculos VR. Sem duvidas só os jogadores mais valentes e mais corajosos gamers tentarão. Os visuais do jogo são muito reais e impressionam a todo o momento, pois conseguem nos fazer entrar dentro da história. Usando como base a mitologia Tailandesa, da pra ver muitas coisas assustadoras e que não fazíamos ideia da existência e que por fim acaba nos ensinando bastante sobre a cultura do lugar. Com certeza quem topar o desafio de Home Sweet Home, vai sentir um leve arrepio por todo o corpo ao menos uma vez.

Plataformas disponíveis: PC e tem compatibilidade com óculos Rift.


3: RESIDENT EVIL 7 biohazard

RESIDENT EVIL já foi conhecido como o rei dos jogos de horror e essa franquia nos acompanha desde pequenos sendo um dos clássico no gênero. Após o quarto título da franquia o jogo teve sua jogabilidade totalmente trocada de terceira pessoa para um shooter de primeira pessoa no qual é mais popular em games deste gênero, focando não só no terror mais também em nosso reflexo, sobrevivência e habilidade no manuseio de armas, o que não é tao ruim  assim, pois agora sentimos um frio na espinha com qualquer barulho que ouvimos ou achamos que ouvimos além presença de um ser aterrorizante que pode nos atacar a qualquer momento.

Na pele de Ethan você vai a procura de sua esposa desaparecida e acaba dentro da mansão da família Baker, localizado no interior rural dos Estados Unidos. Com ótimos gráficos, uma trilha sonora de arrepiar, além de uma ótima progressão na sua narrativa, conseguindo manter bem a sensação de suspense e aquela sensação de entender (ou não) o que esta acontecendo dentro da mansão a cada porta aberta. E, por mais que algumas coisas no game parecem ser bem óbvias, outras trazem aquela vontade de dizer “Isso é muito Resident Evil!“. Muita gente vai dizer que esse game perdeu sua essência e passou de terror para um jogo de ação, mais só quem viu a Mia ir direto pra cima de Ethan sabe que não é bem assim.

Plataformas disponíveis: PS4, Xbox One, PC e compatível com óculos Rift.


2: The Evil Within 2

The Evil Within 2  que traduzido para português é algo próximo a ”O mal interior 2″ não poderia faltar nessa lista. afinal foi um dos meus jogos favoritos. Com uma trama muito doida e reviravoltas alucinantes o game conta com uma trilha sonora impecável e um gameplay agradável mesmo sendo bem linear, com árvore de habilidades interessantes que  traz muitas vantagens durante a campanha se você souber bem escolhe-las. Mais uma vez jogamos com nosso querido detetive Sebastian Castellanos que após uma lutar com seus piores medos acaba perdendo tudo, sua filha Lily Castellanos e sua amada esposa Myra Castellanos. Tentando superar a perda de sua esposa e lidando com a culpa da morte da própria filha ele reencontra Kidman, uma velha amiga que diz saber onde está Lily e que ela não está morta apenas presa no mundo de STEM. Para quem sabe o que é, STEM é o mundo onde o detetive acorda após os eventos inicias do primeiro jogo da franquia por isso é imprescindível que você jogue o primeiro jogo, pois The Evil Within 2 é uma sequência direta do mesmo.

Plataformas disponíveis: PS4, Xbox One, PC.


1: Outlast 2

O primeiro lugar não poderia pertencer a outro game se não Outlast 2, que após o sucesso absurdo do primeiro game da franquia, trouxe uma nova perspectiva para os jogos de horror e sem duvidas se tornou um game obrigatório para qualquer pessoa que gosta de games de horror. Com gráficos incríveis e trilha sonora impecável, Outlast 2 supera seu antecessor facilmente no quesito terror e suspense, adicionando bastante desespero e sustos que irão te fazer se arrepiar inteiro… então se você é de se impressionar ou de se assustar facilmente, pense bem antes de jogar esse jogo haha.

Jogando como Blake Langermann um jornalista investigativo que segue pistas do suposto assassinato de uma mulher grávida chamada Jane Doe assim sendo levado para Temple Gate, uma cidade situada nas profundezas do deserto do Arizona, longe da civilização. Você estará equipado com apenas uma câmera de vídeo com  visão noturna (na qual infelizmente parece não ser bateria duracell) por quê isso? Porque esse é o verdadeira terror, a luta constante entre o medo de estar sozinho na escuridão e querer se esconder dos horrores, ao mesmo tempo procurar por meio de sobreviver nesse lugar assustador. E como se não fosse o bastante isso tudo em um mundo completamente imerso em movimentos religiosos e espirituais. E ai, pronto para esse verdadeiro teste cardíaco?

Plataformas disponíveis: PS4, Xbox One, Nintendo Switch, PC e uma versão para MAC.


E aí galera, gostaram? Qual jogo de horror vocês já jogaram e se apaixonaram e/ou morreram de medo? Me contem nos comentários!

Tem alguma dica de tema para um próximo post? Deixe sua sugestão também!

Huntter Universo

Carioca, Geminiano, 25 Aninhos, Gamer, Ilustrador, futuro designer/animador E Caçador de recompensas pela galaxia a fora nos tempos vagos.

2 Comments

  1. Responder

    Clayci Oliveira

    abril 2, 2018

    E quem disse que eu consigo jogar? Adoro esse tema em gênero literário, mas quando é pra jogar eu não consigo nem abrir os olhos hauhuiahuiahiuahuahuhauiha
    Mas adorei as indicações.

    • Responder

      Maria Simone

      maio 28, 2018

      HAHAHAHAHAHA Menina, somos duas. Recentemente consegui zerar Resident Evil 7, mas só jogava quando meu namorado estava comigo. Não tinha coragem nenhuma de jogar sozinha ><

DEIXE SEU COMENTÁRIO